Nova publicação 

Terra Brasilis lança livro sobre o pato-mergulhão na Serra da Canastra 

livro patomergulhao

Desde 2001, o Instituto Terra Brasilis se dedica à conservação do pato-mergulhão na região da Serra da Canastra e durante esses 18 anos acumulou um vasto conhecimento sobre a espécie, uma das aves aquáticas mais ameaçadas de que se tem notícia. A trajetória desse trabalho virou o livro ‘O pato-mergulhão na Serra da Canastra: Um dos seus últimos refúgios’, que acaba de ser lançado pelo Projeto Pato Aqui, Água Acolá, que conta com o patrocínio da Petrobras. O livro, que conta a história do pato-mergulhão na Serra da Canastra, traz cerca de 120 imagens da espécie e de paisagens da região produzidas pelo fotógrafo, Adriano Gambarini, que durante vários anos documentou essa espécie rara e arisca. Mais.

Conservação pato-mergulhão 

Terra Brasilis inicia novo projeto 

Estudo Biolgico do pato-mergulhao - Foto Lvia Lins

A pesquisa para a conservação do pato-mergulhão ganhou novos aliados. O Instituto Terra Brasilis assinou um termo de cooperação técnico/científica com a Fundação Pró-Natureza – FUNATURA para desenvolver o projeto ‘Implementação das ações prioritárias do PAN Pato-mergulhão 2018-2022’. Esse projeto é realizado pela Funatura e conta com o patrocínio da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza. A iniciativa tem como prioridade a avaliação detalhada dos locais de ocorrência do pato-mergulhão e de outros espaços com habitat potencial para a espécie. Mais.

Projeto Pato Aqui, Água Acolá

Petrobras patrocina fase 3 do projeto

renovacao3

O projeto Pato Aqui, Água Acolá mais uma vez conta o patrocínio da Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental, e parte para sua terceira fase.

Com o patrocínio da Petrobras, o Terra Brasilis desenvolveu o Projeto Pato Aqui, Agua Acolá fase 1 e fase 2, e agora na fase 3 dará continuidade as ações que contribuíram para a conservação do pato-mergulhão e da água, por meio de pesquisa biológica da espécie, atividades de educação e comunicação ambiental, e sustentabilidade rural.

Embaixador das Águas

Pato-mergulhão se torna ave símbolo da conservação das águas

embaixador portaria

Foi publicada, no Diário Oficial da União, a portaria nº 79, de 26 de Março de 2018 que reconhece o pato-mergulhão (Mergus octosetaceus) como símbolo das águas brasileiras. A portaria foi assinada pelo ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho.
“O pato-mergulhão foi escolhido como símbolo por ser um bioindicador ambiental: onde há presença do pato-mergulhão, o ambiente ainda se encontra em equilíbrio. Isto porque esta ave só vive em locais onde existam águas limpas e transparentes, especialmente dos rios e córregos cercados por matas ciliares”, explica Sônia Rigueira, presidente do Terra Brasilis.
Esta portaria foi resultado da campanha "Pato-mergulhão, Embaixador das Águas Brasileiras", lançada pelo Terra Brasilis, juntamente com o ICMBio e pesquisadores de outras instituições envolvidos com a conservação do pato-mergulhão, durante o Fórum Mundial da Água.

Terra Brasilis em ação

jnacional

Pato-mergulhão foi destaque no Jornal Nacional!
A matéria mostrou algumas ações desenvolvidas para a conservação do pato-mergulhão e a reprodução inédita da espécie em cativeiro. A reportagem acompanhou os pesquisadores do Terra Brasilis e do Zooparque Itatiba na Serra da Canastra, em Minas Gerais, em uma operação para a coleta dos ovos do pato-mergulhão para reprodução em cativeiro. Clique na foto para assistir a reportagem.

28 a 30/05/2019 2º ConReSol - Foz do Iguaçu/PR
16 a 19/06/2019 30º Congresso Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental
26 a 29/06/2019 Congresso Ambiental VIEX - São Paulo/SP
24 a 27/09/2019 16º Congresso Nacional de Meio Ambiente - Poços de Caldas